25 de Agosto de 2007

Pus-me a pensar (e sim, o facto de ter trabalhado quase dez horas não me impede de pensar demais... é mesmo sina!) acerca de muita coisa na minha vida. Mas maioritariamente sobre a minha solidão aparente. Digo aparente, porque aparentemente estou só mas, curiosamente, não me tenho sentido sozinho (excepto agora que falo do assunto).

É tão estranho que uma pessoa como eu - um ser patologicamente incapaz de estar ou sentir-se sozinho - acaba por se acostumar a esta condição de ser um ser solitário... e até apreciar a minha própria companhia.

Tem dias... Uns suportam-se com relativa facilidade. Outros... nos outros levo quase que uma eternidade para me mentalizar em levantar-me da cama, completamente esmagado pelo peso da gravidade. É assim a vida...

Mas o pior não são os dias. Isso é quase paisagem ao lado das noites. Deitar-me numa cama fria sem nada para abraçar para além de uma almofada já sem forma de tanto uso e simplesmente deixar-me ir tem-se mostrado como uma das coisas mais difíceis de superar para mim.

Mas enfim, estar-se só tem destas coisas. Oh! Nem tudo é mau... Hoje, por exemplo, uma colega de trabalho recebeu a (infeliz) visita do namorado dela, que aproveitou para ter uma discussão com ela ali, para todos verem. Foi preciso a intervenção do gerente para os encaminhar para um local mais privado. Pelo menos não tenho disso... E, se namorasse, ai dele que me fizesse isso. Assuntos de casal são para ser tratados entre eles sozinhos em casa e não no local de trabalho.

Enfim... Bom, sendo meia-noite e visto que vou ter que trabalhar amanhã, vou-me deitar ali na minha cama fria e talvez dispersar um pouco a nuvem negra que se instalou sobre a minha cabeça.
publicado por Arms às 23:25
Ao ler td o q escreves n posso deixar de pensar em mim. Apesar de estar em Aveiro e tu em Lisboa temos vivido exactamente da mesma forma praticamente as mesmas coisas(baseando-me em td o q leio de ti)... a procura de emprego, a procura incessante de alguem q n sabemos bem, a familia...
Gostava q soubesses q te admiro mto (n te conhecendo, ms por aquilo q vou procurando saber de ti atraves do teu blog).
EroS a 26 de Agosto de 2007 às 02:44
Eros, obrigado pelas tuas palavras muito simpáticas. É bom receber elogios, mesmo que vindos de desconhecidos. Aquece-me o coração. Obrigado mesmo! ;)

Abraços
Arms a 26 de Agosto de 2007 às 21:10
mais sobre mim
Prémios
Image Hosted by ImageShack.us
By Eu... Gay... e o meu Mundo
By Etnias

Image Hosted by ImageShack.us
By Etnias

Image Hosted by ImageShack.us
By Felizes Juntos (2009).
quote: o traço bonito e elegante reflectido no ímpeto neutralizado dos dias
By Felizes Juntos (2008)
quote: bom gosto e traço bonito e elegante.


últ. comentários
Olha eu estou exatamente igual.. Não me conseguiri...
Olá Arms!Há quanto tempo! Não tenho acompanhado es...
aqui ha dias vi te a subir a rua do sol ao rato.j...
Bem fixe isto. Nos extremos há coisas que nem sabe...
se estiver interessado/a num novo template para o ...
Sim, concordo.Mas acima de tudo, mais intervenção ...
Silêncio a mais... nessas viagens todas não há int...
Bom regresso à blogosfera
Concordo com o que dizes, tambem sou solteiro e as...
Parabéns pelo seu blog, muito interessante. Estou ...
blogs SAPO
Agosto 2007
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
12
14
29
pesquisar neste blog