31 de Agosto de 2007

Número 5: Um mundo novo.

O planeta extra-solar mais novo descoberto até agora tem menos de um milhão de anos e orbita Coku Tau 4, uma estrela a 420 anos-luz de distância daqui. Os astrónomos descobriram a presença do planeta através de um enorme buraco que descobriram no discos de pó que orbita a estrela. O buraco é dez vezes maior que a órbita da Terra e é causado provavelmente pelo planeta que vai atraindo o pó enquanto orbita a estrela.

Número 4: O velhaco!

O planeta mais velho de que se tem conhecimento é um mundo primaveril (planeta que susteve vida em algum ponto da sua existência. A Terra daqui a 5 biliões de anos.) com 12.7 biliões de anos que se formou há mais de 8 biliões antes da Terra e apenas 2 biliões de anos depois do Big Bang. Esta descoberta sugere que planetas são bastante comuns no universo e aumentou a perspectiva de que a vida pode ter começado muito antes do que os cientistas imaginavam.

Número 3: Um planeta que encolhe.

Um ano em HD209458b dura apenas 3.5 dias terrestres. O planeta orbita tão de perto da sua estrela que a sua atmosfera está a ser varrida pelos ventos solares. Os cientistas estimam que o planeta perde por volta de 10 000 toneladas de material a cada segundo que passa. No fim restará apenas o núcleo do planeta que encolhe.

Número 2: Atmosfera cheirada.

HD 189733b ficou entre os primeiros planetas a ter a sua atmosfera cheirada. Analisando a luz do sistema sol-planeta os cientistas conseguiram determinar que o planeta contém densas nuvens de silicatos similares a grãos de areia. Curiosamente, nenhum vapor de água foi detectado, mas os cientistas crêem que esteja escondido por debaixo das nuvens.

Número 1: o planeta habitável.

Gliese 581 C marcou um ponto de viragem na busca de mundos além sistema solar. É o mais pequeno planeta extra-solar jamais detectado, e o primeiro a estar dentro da zona habitável da sua estrela, aumentando assim a possibilidade de conter água no estado líquido à superfície. É 50 por cento maior e 5 vezes mais massivo que a Terra.
publicado por Arms às 05:27
30 de Agosto de 2007

Os primeiros planetas fora do nosso sistema solar foram apontados em 1990, em órbita a uma estrela moribunda e a expelir radiações, muito diferente do nosso Sol. Desde então os cientistas têm descoberto mundos ainda mais estranhos. Há os gigantes gasosos e os pequenos rochosos. Alguns são mundos de duas-faces, de fogo e gelo, e alguns flutuam pelo vácuo, livres das estrelas. Numa dúzia de anos, desde da descoberta do primeiro, o número de planetas extra-solares ascendeu aos quase 230!

Aqui estão alguns recordistas e alguns esquisitóides...

Número 10: O primeiro

51 Pegasi b foi o primeiro planeta a ser descoberto em órbita a uma estrela normal para além do nosso Sol. O planeta, um Jupiteriano quente, também vai pelo nome Bellerphon, em homenagem ao herói Grego que domou o cavalo alado Pégaso, em referência à constelação onde o planeta está localizado.


Número 9: O mais próximo

Epsilon Eridani b orbita uma estrela alaranjada a 10.5 anos-luz da Terra. Está tão perto de nós que os telescópios poderão fotografá-lo dentro de poucos anos. Orbita demasiado longe da sua estrela para suportar água no seu estado líquido ou vida como nós conhecemos, mas os cientistas crêem que existam outros planetas nesse sistema que possam ser bons candidatos para vida alienígena.

Número 8: Os flutuantes livres.

Há planetas extra-solares que são conhecidos por terem um, dois ou mesmo três sóis. Mas um grupo bizarro de objectos do tamanho de planetas não têm sóis sequer mas, invés disso, flutuam livres pelo espaço. Chamados 'planemos' os objectos são semelhantes, embora mais pequenos, a anões castanhos, estrelas que não tiveram tamanho suficiente para se 'acenderem'.

Número 7: O planeta veloz.

SWEEPS-10 orbita a sua estrela principal a uma distância de apenas 740,000 milhas, tão perto que um ano neste planeta dura apenas 10 horas. Este planeta extra-solar pertence a uma nova categoria de planetas chamados USPPs, ou Ultra short period planets (Planetas com Períodos Ultra Curtos), que têm órbitas de duração menor a um dia terrestre.


Número 6: O mundo de fogo e gelo.


Upsilon Andromeda b está sincronizada com o seu Sol da mesma forma que a Lua está sincronizada com a Terra, tem sempre a mesma face virada para a sua estrela. Esta característica cria uma das maiores diferenças de temperatura que os astrónomos já encontraram num planeta extra-solar. Um dos lados do planeta está sempre quente como lava, enquanto que a outra face deve estar com temperaturas abaixo de congelação.

(continua...)
publicado por Arms às 13:45

Há dias tive uma dor aguda no peito. Mais uma para ser mais correcto.

Começaram-me depois de ter terminado a minha relação anterior. Ainda pensei que fosse o meu coração destroçado...

Mas o médico disse-me que é uma simples inflamação na pleura, ou algo assim.

o.O'

Não vejo como uma dor aguda seja classificado como 'simples'.
publicado por Arms às 12:58

Bom... Devo confessar que ando numa fase mesmo muito estranha.

Sinto-me diferente... É bom, não me entendam mal.
O pessoal anda, de certa forma, a excluir-me de algo... ou pelo menos sinto isso. Posso estar errado.

Andam a magicar alguma coisa... I can feel it!

I see hidden intentions!
publicado por Arms às 12:05
28 de Agosto de 2007

Lembram-se do velhote que ajudei há uns tempos atrás? (Post aqui)

Pois bem... Cruzei-me com ele ontem na rua. Ele lembrou-se de mim e chamou-me para me dar uma novidade. Disse-me que engoliu o seu orgulho patético e foi falar com o seu filho. Foi recebido de braços abertos...

Adorei a novidade mas isso fez-me pensar naquele orgulho que os nossos pais têm. Aquele orgulho patético que os impede de vir falar connosco quando estão chateados. E também me fez pensar no orgulho que nós temos, que nos impede de ir falar com eles.

No fundo, isto tudo não passa de uma estupidez pegada!

Mas adorei saber que o velhote está bem... LOL! E agradeceu-me o cigarro que lhe dei e deu-me 10 euros por lhe ter pago o jantar naquela noite. Recusei o dinheiro. Disse-lhe que não fiz nada de favor. Mas aceitei lanchar com ele e conhecê-lo mais um pouco!
publicado por Arms às 11:12
27 de Agosto de 2007

Aviso que hoje ando com uma neura qualquer sazonal... OK! Corrigindo... Hoje continuo com a minha neura qualquer sazonal (que curiosamente se mantém desde que este blog foi iniciado, talvez ainda antes) misturado com uma espécie de Síndroma de Segunda-feira (ficar chateado porque se inicia mais uma cansativa semana).

Mas no meio de todos os meus pensamentos do dia de hoje, no meio daquelas interrogações todas, daqueles pensamentos fugidios, houve uma questão que não coloquei e que, por não o ter colocado, fez toda a diferença. Porque marcou o momento em que comecei a sentir que estou diferente, que me sinto diferente. Mais maduro talvez... Mais calmo talvez... Seja o que for, tenho me sentido mais calmo, mais adulto, mais seguro de mim... e até me atrevo a dizê-lo, mais inteiro.

Ou talvez eu tenha apenas superado o que restava dos meus traumas de adolescente e descobri a minha verdadeira identidade...

Se for este o caso, bolas!, cheguei a esta fase mesmo muito tarde! XD
publicado por Arms às 23:19
26 de Agosto de 2007


Can I make fun of you now? I feel like mocking someone!
publicado por Arms às 20:11

Admira-me bastante o conceito de amizade hoje em dia... Fico mesmo impressionado com os comportamentos dos meus supostos amigos actuais e, comparando com os meus amigos de longa data, fico mais impressionado pelo facto de ainda falar com eles sequer.

Hoje em dia ninguém tem paciência para criar amizades. Ou tudo corre bem ou é tudo posto de lado. Conhecemos as pessoas e, durante uns tempos tudo corre bem. Até que nos apercebemos que aquelas pessoas afinal são humanas e têm defeitos. Ora, alguns esquecem os defeitos (afinal todos nós os temos) e tentam, investem, numa amizade. Outros, como seres práticos que são, deixam de falar simplesmente com a pessoa, e parte à procura de outros amigos.

Hoje em dia compram-se amigos, como se fossem produtos. E, com a mesma facilidade com que se compram, com a mesma facilidade são descartados. Reciclados digamos, que temos que pensar no meio ambiente nos dias de hoje - não queremos poluir o mundo. Ninguém está com a paciência para lidar com os problemas dos amigos.

E há outra coisa... As pessoas criam uma tal imagem da tua pessoa que prova ser tão irreal quanto ridículo. Imaginemos que o amigo está quase sempre bem-disposto e optimista e é essa a imagem que todos criam dele. As pessoas partem do princípio que ele vai estar sempre assim, como se fosse um boneco. E, assim que ele demonstrar um qualquer outro sentimento que não seja o optimismo e a boa-disposição, os supostos amigos são apanhados de surpresa (sim porque ele não pode ter sentimentos mais negativos...) e acusam-no de estar diferente e não ser o mesmo e que não o compreendem, que uns dias está bem-disposto e noutros está irritadiço ou calado.

E afastam-se... Porque o amigo deixou de ser um produto, passou a ser um ser humano. E nós não sabemos lidar com humanos. Lidar com produtos é fácil. Agora com humanos, que horror! Só o stress!!

Admira-me mesmo muito os 'novos' conceitos de amizades...
25 de Agosto de 2007

Pus-me a pensar (e sim, o facto de ter trabalhado quase dez horas não me impede de pensar demais... é mesmo sina!) acerca de muita coisa na minha vida. Mas maioritariamente sobre a minha solidão aparente. Digo aparente, porque aparentemente estou só mas, curiosamente, não me tenho sentido sozinho (excepto agora que falo do assunto).

É tão estranho que uma pessoa como eu - um ser patologicamente incapaz de estar ou sentir-se sozinho - acaba por se acostumar a esta condição de ser um ser solitário... e até apreciar a minha própria companhia.

Tem dias... Uns suportam-se com relativa facilidade. Outros... nos outros levo quase que uma eternidade para me mentalizar em levantar-me da cama, completamente esmagado pelo peso da gravidade. É assim a vida...

Mas o pior não são os dias. Isso é quase paisagem ao lado das noites. Deitar-me numa cama fria sem nada para abraçar para além de uma almofada já sem forma de tanto uso e simplesmente deixar-me ir tem-se mostrado como uma das coisas mais difíceis de superar para mim.

Mas enfim, estar-se só tem destas coisas. Oh! Nem tudo é mau... Hoje, por exemplo, uma colega de trabalho recebeu a (infeliz) visita do namorado dela, que aproveitou para ter uma discussão com ela ali, para todos verem. Foi preciso a intervenção do gerente para os encaminhar para um local mais privado. Pelo menos não tenho disso... E, se namorasse, ai dele que me fizesse isso. Assuntos de casal são para ser tratados entre eles sozinhos em casa e não no local de trabalho.

Enfim... Bom, sendo meia-noite e visto que vou ter que trabalhar amanhã, vou-me deitar ali na minha cama fria e talvez dispersar um pouco a nuvem negra que se instalou sobre a minha cabeça.
publicado por Arms às 23:25

Ontem choquei uma colega de trabalho quando lhe disse que vou fazer 27 anos. Resposta dela: "Como é que é possível? Não te dava mais que 21... Qual é o teu segredo?"

A minha resposta: Não é segredo querida, são genes! ;-)

(thanks Nobody's pelo reparo... :P Isto de escrever à pressa... LOL!)
publicado por Arms às 09:44
mais sobre mim
Prémios
Image Hosted by ImageShack.us
By Eu... Gay... e o meu Mundo
By Etnias

Image Hosted by ImageShack.us
By Etnias

Image Hosted by ImageShack.us
By Felizes Juntos (2009).
quote: o traço bonito e elegante reflectido no ímpeto neutralizado dos dias
By Felizes Juntos (2008)
quote: bom gosto e traço bonito e elegante.


últ. comentários
Que texto! Que texto! Sou solteiro por opção e que...
Olha eu estou exatamente igual.. Não me conseguiri...
Olá Arms!Há quanto tempo! Não tenho acompanhado es...
aqui ha dias vi te a subir a rua do sol ao rato.j...
Bem fixe isto. Nos extremos há coisas que nem sabe...
se estiver interessado/a num novo template para o ...
Sim, concordo.Mas acima de tudo, mais intervenção ...
Silêncio a mais... nessas viagens todas não há int...
Bom regresso à blogosfera
Concordo com o que dizes, tambem sou solteiro e as...
subscrever feeds
blogs SAPO
Agosto 2007
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
12
14
29
pesquisar neste blog