23 de Agosto de 2006

Há uns sete, oito anos, apanhei um dos meus maiores sustos da vida. O dito ex-amigo, o que falei no post "má pessoa" entrou no irc a passar-se por mim. Entrou em canais gays e marcou encontros com estranhos. Deu todos os meus dados, completamente verídicos... apenas se enganou na minha idade. Deu, inclusivé a minha morada, número de casa e telemóvel. Queria-me ajudar, disse ele. Que lhe fazia pena eu estar a chorar pelos cantos por não ter ninguém.

Não me aconteceu nada. Nada de telefonemas, cartas ou carros a aparecer em casa. Mas vivi seis meses de puro medo. Soube através de umas amigas que um amigo (que se mantém anónimo para mim) se fez passar por gay, para gozar com os gays. Uma brincadeira de mau gosto, podem pensar. Mas, se ele não tivesse feito essa brincadeira, talvez as coisas não se tivessem desenrolado como se desenrolaram.

Liga-me outra vez. Pede desculpa. Que gostava que tudo fosse como dantes. Diz que foi sem má intenção. Que foi tudo boas intenções.

Meu amigo... Podes pedir as desculpas que quiseres. Mas, podes devolver-me seis meses de paz em troca dos seis meses de pânico? Não, pois não? Eu disse-te e repito. Aquilo que fizeste foi uma total violação da minha pessoa. Eu era o teu amigo. Confiava em ti. Depositei-te segredos que alguns desconhecem. Gastei tempo e esforço a dar-te apoio quando a tua namorada andou a rebolar-se com o fulano da discoteca. Foi assim que me pagaste. Como esperas que tudo volte como dantes depois disto? Eu, ainda hoje, quando ando aí pelas ruas, fico a pensar no que me poderia ter acontecido. Boas intenções? Está o Inferno cheio... Bons amigos é que escasseiam.

Já passaram oito (ou sete) anos. Tudo bem. Podes até argumentar que está tudo no passado. Podes até dizer que eras imaturo. Podes até dizer o que te der na real gana. Não interessa. O que interessa é que eu poderia nem estar aqui para escrever este mesmo post. Pensaste nisso? Não, pois não?

Já disse antes e digo outra vez. E que seja a última vez, porque não sou adepto de me repetir. Não esperes pena de mim. Não esperes dó. Não esperes simpatia. Porque não tos dou. Já dei a minha opinião acerca da tua crisezinha. Mas, se quiseres um ombro amigo... Procura-o entre os teus. Não tens? Tivesses tido mais cuidado antes.

Não sou vingativo, embora pareça por este post. Mas não tolero pessoas que se façam de coitadinhas. Levaste uma facada por um amigo... Não tivesses dado a facada num amigo. Recebes em troca o que dás aos outros.

Só tenho pena que tivesse levado tanto tempo. Terias mais consciência dos teus actos por esta altura.

E, já agora. Onde raio arranjaste o meu número? Tenho a certeza que nunca to dei.
publicado por Arms às 02:13
Fiquei completamente petrificado aquando a leitura do teu post. Nem quero imaginar o que sofreste. Devem ter sido os piores 6 meses da tua vida. E esse tal a que chamavas de amigo, só demonstrou a terrível pessoa que é...
Enfim...não tenho palavras.

Abraços
Carlos a 23 de Agosto de 2006 às 02:52
Incrível!
Esta história faz-me lembrar ua frase que um dia dise a um amigo: Ricky...deixa que o mar encarrega-se de distribuir a areia. Se há praias que ficam so com rocha é porque tem mesmo que ser assim!

Hoje percebi que tinha mesmo razão!
Aquele abraço!

Mantém a atitude!
Coool a 23 de Agosto de 2006 às 03:39
A traição da confiança é o pior que pode acontecer.

Há pessoas que não merecem ser chamadas de amigos, porque na verdade nunca vão entender o valor e significado desta palavra!

Um abraço
João (Doce Amigo) a 23 de Agosto de 2006 às 10:47
Foi uma brincadeira muito estúpida...

Mas também temos que saber perdoar...
Water Element a 23 de Agosto de 2006 às 16:38
Diz-lhe para ir à caça de gambuzinos :\ bah!!



Nada vai pagar o que ele te fez nem o que passaste nos 6 meses que se seguiram, mas ao menos ele admite que errou e diz-se arrependido. Não significa que tenhas de lhe perdoar, mas que lhe sirva de lição e que começe a crescer como pessoa...



Hugz :)
Nobody's Bitcho a 23 de Agosto de 2006 às 19:06
já passou!
AP a 23 de Agosto de 2006 às 22:14
mais sobre mim
Prémios
Image Hosted by ImageShack.us
By Eu... Gay... e o meu Mundo
By Etnias

Image Hosted by ImageShack.us
By Etnias

Image Hosted by ImageShack.us
By Felizes Juntos (2009).
quote: o traço bonito e elegante reflectido no ímpeto neutralizado dos dias
By Felizes Juntos (2008)
quote: bom gosto e traço bonito e elegante.


últ. comentários
Que texto! Que texto! Sou solteiro por opção e que...
Olha eu estou exatamente igual.. Não me conseguiri...
Olá Arms!Há quanto tempo! Não tenho acompanhado es...
aqui ha dias vi te a subir a rua do sol ao rato.j...
Bem fixe isto. Nos extremos há coisas que nem sabe...
se estiver interessado/a num novo template para o ...
Sim, concordo.Mas acima de tudo, mais intervenção ...
Silêncio a mais... nessas viagens todas não há int...
Bom regresso à blogosfera
Concordo com o que dizes, tambem sou solteiro e as...
blogs SAPO
Agosto 2006
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
pesquisar neste blog