28 de Junho de 2006

Amigos meus têm tido umas entrevistas de trabalho. Por isso, decidi ir à procura de uns truques para vocês sairem ou, pelo menos tentarem, com sorte!

Este texto foi retirado do site Humor Tadela
Divirtam-se: ^_^

Manual de Sobrevivência em Entrevista de Trabalho

A história é sempre a mesma: você está desempregado. Já passou por vários empregos nos últimos anos, mas não conseguiu parar em nenhum, provavelmente porque "a culpa era do chefe".
Embora chefes não tenham defeitos (o único é o de não reconhecer seu talento), a culpa é sempre deles! Você até se acha profissional, pontual, competente e entusiasta mas, na hora do pé-na-bunda, a que arde é a sua!

Meses se passam e nada de emprego: "As coisas estão muito difíceis, o momento é delicado, o país passa por uma séria crise, muita concorrência, blá-blá-blá..."
Mas eis que, finalmente, pinta uma entrevista. Valeu a pena levar a carteira profissional pro Padre Marcelo benzer, redecorar a casa com as dicas do Feng-Shui, mandar 150 currículos pelo correio toda semana...
Evidentemente, o drama não acaba por aí. Você ainda tem a missão — quase impossível — de passar pela entrevista e deixar uma boa impressão.
Para te ajudar neste momento crucial, o pessoal aqui do Humor Tadela — profissionais extremamente capacitados e incansavelmente disputados pelo mercado de trabalho! — reuniu dez dicas fundamentais para você, enfim, se dar menos mal.

Passo a Passo:
1º) Atualize seu currículo, procurando ser o mais sucinto possível. Jamais coloque em negrito o que você "supõe" ser importante.

Exemplo: Grande poder de liderança e alta capacidade na resolução de problemas. Todo mundo deduz que, se você fosse "tão" capaz assim, não estaria "tão" desempregado!

2º) No dia da entrevista, evite o figurino esporte-chic. Você não está indo ao casamento de um casal de amigos ao ar livre, num sábado à tarde!

Terno de linho só se for novo e impecavelmente passado, para não dar bandeira de que você só tem um terno para "dias de entrevista", missas, velórios e afins.Se você for mulher, evite decotes, minissaias ou a combinação de ambos: desviar a atenção do entrevistador pode ser perigoso. Pior: ele pode perceber que você não é boa nem numa coisa, nem noutra!

3º) Ao chegar no local da entrevista, evite abordagens à recepcionista do tipo "E aí, gatinha, acha que rola?" ou "e aquele cafezinho esperto, sai?"

4º) Ao ser chamado para a entrevista propriamente, levante-se calmamente e acompanhe seu interlocutor, com a coluna ereta e certa dignidade. Não queira ir à frente abrindo portas, e tirando os papéis do chão.

Competência é o que esperam, não um serviçal simpático! Se você é mulher, jamais saia rebolando como uma vadia. Pelo menos nesse primeiro encontro, tente passar uma imagem diferente daquilo que você realmente é.

5º) Ao adentrar o local da entrevista, não espalhe grosseiramente suas coisas por sobre a mesa do entrevistador, como se fosse sua própria casa com a habitual sujeira e bagunça que lhe são peculiares.

Tenha o mínimo de classe! Se a pessoa responsável pela entrevista for mulher (e gostosa!), coloque estrategicamente sua pasta no colo. Se for homem — e você, mulher — feche as pernas: ele não precisa saber qual a cor de sua calcinha!

6º) Durante a entrevista, JAMAIS pronuncie palavras como: cu, merda, caralho, porra ou demais verbetes de semelhante calão. Faça o impossível para camuflar aquilo que você tem na cabeça!

Tente um vocabulário um pouco mais elaborado, porém evite igualmente expressões como: "a nível de", "menas chance" e "no seu apê ou no meu?"

7º) Nunca pergunte qual sua faixa salarial, antes que a mesma lhe seja falada. Evite expressões chulas do tipo: "se, pelo menos, a grana aqui for boa..." ou "o meu último salário era tão baixo..."

Caia morto, mas não diga: "Tô mais duro do que pau de tarado em dia de festa", "Minha conta no banco tá mais vermelha que calcinha de mulher de chico..."

8º) Nada de ficar puxando o saco do entrevistador, fazendo ele parecer seu melhor amigo.

Nada de elogiar o porta-retratos em sua mesa ("Uau, que família linda, meu, eu nunca vi família mais maravilhosa na minha vida!"), reparar no diploma dele na parede ("Faculdade cara, hein! 'Cê tem pai rico?") ou ficar elogiando sua roupa ("Você fica ótimo nessa roupa. Terno azul, gravata laranja e lenço de bolinhas verdes lhe caem como uma luva...")

9º) Após a entrevista, </a>agradeça o entrevistador sem exageros.

Frases como: "Logo, logo estaremos tomando uns chopps juntos, amigão!" ou "E aí, quando eu começo?" são "pérolas" que podem aniquilar suas chances, se é que você ainda tinha alguma!

10º) Jamais convide o entrevistador para jantar em sua casa e, sob nenhuma hipótese, diga a ele que você tem uma vizinha "deliciosa cuja xana é liberada pra todo mundo..."
publicado por Arms às 16:00
Ok... isso foi muito mal... hahhahaah
Pode ter certeza q naum cometo essas gafes numa entrevista... ^_^
Ragof a 28 de Junho de 2006 às 20:03
mais sobre mim
Prémios
Image Hosted by ImageShack.us
By Eu... Gay... e o meu Mundo
By Etnias

Image Hosted by ImageShack.us
By Etnias

Image Hosted by ImageShack.us
By Felizes Juntos (2009).
quote: o traço bonito e elegante reflectido no ímpeto neutralizado dos dias
By Felizes Juntos (2008)
quote: bom gosto e traço bonito e elegante.


últ. comentários
Que texto! Que texto! Sou solteiro por opção e que...
Olha eu estou exatamente igual.. Não me conseguiri...
Olá Arms!Há quanto tempo! Não tenho acompanhado es...
aqui ha dias vi te a subir a rua do sol ao rato.j...
Bem fixe isto. Nos extremos há coisas que nem sabe...
se estiver interessado/a num novo template para o ...
Sim, concordo.Mas acima de tudo, mais intervenção ...
Silêncio a mais... nessas viagens todas não há int...
Bom regresso à blogosfera
Concordo com o que dizes, tambem sou solteiro e as...
blogs SAPO
Junho 2006
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
19
23
24
29
pesquisar neste blog