06 de Dezembro de 2008

Saio do trabalho e preparo-me para dirigir a casa, via penantes e metro. Tudo muito bem. Abro a porta do centro comercial e uma pita metida em tia - daquelas que andam com o braço direito dobrado para a frente com se a tivesse partida, segurando o telemóvel com o menos número de dedos possível, de mala ao ombro, mala esta que parece um cruzamento estranho de um saco-cama enrolado e um saco de compras, e com o seu cabelo liso, passado a ferro a dar e dar ao vento.
- Ai tão qriduuu! Ôbrigádá pur ter-me seguráádu a pôrtá! - diz-me a dita peça ao entrar no centro comercial.

Só me apetecia responder: Não lhe segurei a porta, miúda. Abri a porta para eu passar até ao momento em que enfiaste esse traseiro esquelético à minha frente. Quanto mais fechava a porta no exacto momento em que passasse por ela. Tsá, qridááá!! (imaginem eu a baloiçar a cabeça como as pretas americanas enquanto digo esta frase e ficam com a imagem que eu pensei na altura. E imaginem eu a dar uma cabeçada de lado, como fazem as gajas quando querem rematar a conversa com uma tirada qualquer, quando digo o "Tsá, queridááá!!")

Paro um bocado, antes de me aventurar pela chuva a fumar um cigarro e apreciando o silêncio, quando sou incomodado por outra pita de cabelo passado a ferro. E ela mete conversa comigo como se me conhecesse de ontem à noite. E porque
- eu acho que estou preparada para conhecer pessoas novas e vi-te aqui no canto sozinho, todo giro e tal e porque - mas o que é que esta gaja quer comigo? Hã!? O que é que ela tem ali nos dentes? Um folha de salsa? Há quanto tempo estará ali? - andei até aqui a pé à chuva com as minhas amigas que estão ali ao fundo e vi-te aqui. Tu és giro! Gosto de rapazes mais velhos e sou muito divertida e como está a chover - Pois. Não tinha reparado... - és um bocado tímido não és? Ainda não disseste nada - Nem preciso. Já falas por toda a gente aqui. - e, como te estava a dizer, porque acho que não ouviste - Ah! Finalmente reparaste que estou de auscultadores no ouvido... - e sou coisa e tal e blablablablablabla...
Curiosamente estava a adorar fazer aquela cena de gajo distante e tal. E vai que ela me pergunta a minha idade. Digo-lhe 28. - Ah! A sério? Não pareces nada. Pareces para aí uns 24. Meu Deus. Como é que fazes? Adorava ser assim, parecer mais nova quando for mais velha. Porque agora todos dão-me mais idade que tenho. Não sei se é pela minha maturidade e inteligência - Não é. - ou se pela minha aparência mais mulher - Também não. - ou se é pelo meu ar mais maduro - Bingo! Essas rugas das borgas não falham... - que...
E digo, para despachar:
- Olha desculpa! Mas tenho que ir andando. Não é que a conversa não tenha sido interessante, mas o meu jantar não se faz sozinho. - Ao que ela responde:
- Ah moras sozinho! Acho isso brutal - ela disse brutal? - Podes levar-me até lá um dia talvez. - Quê?
Ao que respondo calmamente:
- Até que posso. Mas acho que o meu namorado iria achar isso muito estranho. Tchau. - e vou-me embora. E ela ficou ali com aquela cara de quê!?

(Claro que as situações acima são ficionais... quer dizer, parte verdade, parte ficional... o meu cérebro hoje fez imensas viagens...)

A verdade é que a pita que meteu conversa comigo enquanto eu fumava falava de facto mais que muito e é verdade que não lhe liguei pêva (as falas dela, no texto acima, é ficional porque nem sei o que ela disse, mas era algo do género...) e só lhe disse "desculpa mas tenho compromissos e estou em cima da hora". Ao que ela responde:
- Mas olha, não vás à chuva. Ela hoje está molhada!

Say what?! Mas esta gaja droga-se?
publicado por Arms às 23:30
OMFG!!!!!

Só te acontecem é coisas destas, ainda se fosse um gajo giro, mas burro que nem uma porta para tu lhe ensinares umas coisitas xD

Abracinhos sim?
A ver se combinamos uma cafezada bloguiana xD
Little Tiago Boy a 7 de Dezembro de 2008 às 01:48
acho que já é inato, não é preciso drogar-se. Post muito bom, sem dúvida!
tulisses a 7 de Dezembro de 2008 às 10:42
Acho que a versão ficcional teve mais piada...
Anónimo a 8 de Dezembro de 2008 às 05:15
Que sensação de "deja-vu"! Só faltava ser no Atrium Saldanha.

Parabéns, gosto muito do seu blog.
Arsène Lupin a 9 de Dezembro de 2008 às 13:08
Little Tiago Boy - É verdade. Só me calham Duques e bolas pretas... Sim, temos que combinar esse tal café bloguiana.

tulisses - No caso delas eu achei o mesmo. Será que queimam os neurónios (literalmente) quando começam a passar o cabelo a ferro?

Anónimo - =) Thank you! É bom saber que a minha mente semi-distorcida-metida-em-humorista é apreciada. XD

Arsène Lupin - Por acaso até que poderia ter sido no Saldanha mas não, foi no local mais próximo, em termos de fauna de sociedade (bom, pelo menos daquilo que conheço). O Amoreiras. MEDO! Obrigado pelo simpático elogio. =)
Arms a 10 de Dezembro de 2008 às 08:04
adorei a ficção, mas n deixo de reparar q toda ela gira em tua volta. em como és giro, em como pareces mais novo, em como não ligas a quem te faz elogios porque parecem evidencias demais para serem respondidas... essa ideia dos cafés bloguianos!!! vou fazer um blog porque te quero conhecer :D
Anónimo a 11 de Dezembro de 2008 às 12:02
LOOL! Eu não posto as conversas por aquilo que contêm mas pelas situações que provocam em termos de humor. Realmente pareço mais novo do que realmente sou. Agora o ser giro... epá, não me considero giro. Não me considero feio, atenção. Apenas que, nem sou nada de especial. Sou normal. Sei lá...
Arms a 11 de Dezembro de 2008 às 13:59
mais sobre mim
Prémios
Image Hosted by ImageShack.us
By Eu... Gay... e o meu Mundo
By Etnias

Image Hosted by ImageShack.us
By Etnias

Image Hosted by ImageShack.us
By Felizes Juntos (2009).
quote: o traço bonito e elegante reflectido no ímpeto neutralizado dos dias
By Felizes Juntos (2008)
quote: bom gosto e traço bonito e elegante.


últ. comentários
Olha eu estou exatamente igual.. Não me conseguiri...
Olá Arms!Há quanto tempo! Não tenho acompanhado es...
aqui ha dias vi te a subir a rua do sol ao rato.j...
Bem fixe isto. Nos extremos há coisas que nem sabe...
se estiver interessado/a num novo template para o ...
Sim, concordo.Mas acima de tudo, mais intervenção ...
Silêncio a mais... nessas viagens todas não há int...
Bom regresso à blogosfera
Concordo com o que dizes, tambem sou solteiro e as...
Parabéns pelo seu blog, muito interessante. Estou ...
blogs SAPO
Dezembro 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
12
13
14
16
19
20
22
23
25
26
27
28
30
pesquisar neste blog