23 de Novembro de 2007

Acho que estou a tornar-me insensível perante o facto de estar sozinho. Ou será que me estou a conformar à minha situação?

A realidade é que, tendo os amigos todos ou longe ou ocupados, dá-me uma nova perspectiva à minha própria solidão.
publicado por Arms às 21:54

Ele - Como estás?
Eu - Bem.
Ele - Que tens feito?
Eu - Nada de mais.
Ele - No que estás a pensar?
Eu - Em nada.
Ele - O que é que achas que eu devo fazer?
Eu - O mesmo que eu. Mete para o lado, senta-te e não penses.
Ele - É por isso que gosto de ti. Tens resposta para tudo.
Eu - Pois tenho.
mais sobre mim
últ. comentários
Que texto! Que texto! Sou solteiro por opção e que...
Olha eu estou exatamente igual.. Não me conseguiri...
Olá Arms!Há quanto tempo! Não tenho acompanhado es...
aqui ha dias vi te a subir a rua do sol ao rato.j...
Bem fixe isto. Nos extremos há coisas que nem sabe...
se estiver interessado/a num novo template para o ...
Sim, concordo.Mas acima de tudo, mais intervenção ...
Silêncio a mais... nessas viagens todas não há int...
Bom regresso à blogosfera
Concordo com o que dizes, tambem sou solteiro e as...
subscrever feeds
blogs SAPO
Novembro 2007
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
14
16
26
pesquisar neste blog